Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

nada acontece por acaso

nada acontece por acaso

Existe sempre uma opção!

Há um tempo, ouvíamos os adolescentes queixarem-se dos pais,

Tudo lhes era permitido dizer sobre os pais!

Hoje, fui surpreendida por um rapaz de 26 anos (no meu tempo seria adulto; hoje é jovem!) que se queixava os pais não paravam de o chatear, porque achavam que ele não estudava ou trabalhava o suficiente!...

Então, ele concluía que a vida está toda mal estruturada porque “são obrigados a viver com os pais durante anos e…”

 

Obrigados???

Será que os filhos acham que estão com os pais por obrigação?

Não!

Os filhos não são obrigados a viver com os pais…Se estão insatisfeitos, porque não saem de casa e vão á sua vida? 

Há tantos que o fazem!

Que não queiram sair, porque perdem cama, comida e roupa lavada, eu até posso entender…agora que, ainda por cima se queixem dos pais…não entendo!

De facto, cada vez mais se vêem os filhos a ficarem em casa dos pais…começam a vida mais tarde passam os 26, 28, 30… e vão ficando, ficando, às vezes até trazem o namorado(a), para casa dos pais…

Tudo bem! Se estiver bem para eles e para os pais, no problem!

No entanto, se sentirem que estão a perder a sua liberdade ou a sua vontade própria, saiam de casa, ou vão trabalhar e tornem-se independentes para poderem viver à vossa maneira!

Há desemprego?

Sim, há!  Mas consegue-se sempre desenrascar qualquer coisa, seja baby-sitting, seja distribuir jornais, o que for!

 

Ninguém é obrigado a viver com ninguém!

Nem filhos com pais, nem pais com filhos; nem marido com mulher, nem mulher com marido!

Não temos o direito de acusar o outro da nossa “infelicidade”!

Mais uma vez eu sou responsável pela minha situação!

Eu tenho sempre uma opção!

Existe sempre uma opção.

Sempre!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2006
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D